terça-feira, 2 de maio de 2017

Férias.......... destino São Paulo, Brasil!

  Hello pessoinhas da Internet!
  Durante duas semanas fui de férias para o Brasil, mais expecificamente fui para São Paulo.
  Por me fazerem tantas perguntas resolvi fazer um post sobre algumas curiosidades e diferenças que existe entre Portugal e o Brasil.


  Para viajar para lá não temos de ter nem vacinas especiais (ao contrário do que muita gente pensa) nem precisamos  de nenhuma autorização especial para entrar no país (o tão famoso Visto). Tendo o passaporte em dia e a passagem paga é só embarcar. No meu caso paguei 605,00€ só de passagens ( ida e volta) e posso considerar barato pois há umas bem mais caras. Como fui mais o meu marido e o nosso filho no total gastamos 1815,00€ de passagens. É um valor que mete respeito à primeira vista, mas se queremos ir para lá é mesmo isto que temos que gastar.
  Sobre a estadia não vos sei apresentar valores. Como o meu marido é brasileiro tenho sempre estadia gratuita o que já compensa no valor gasto com o transporte aéreo.



  Falemos da moeda e o seu valor. À data que eu fui o câmbio estava 1Euro = 3,20Reais. Parece muito  tendo em conta que o valor da nossa moeda triplica em relação à deles, mas não é. O valor das coisas no Brasil é altissímo e dificilmente encontramos coisas mais baratas do que cá, mesmo a nossa moeda sendo tão forte. Vou vos deixar alguns exemplos que vos vai deixar de queixo caido. ATENÇÃO que os valores que vos vou apresentar são baseados no que eu paguei, eles variam muito de acordo com o local de compra ou cidade onde vocês estão, deixo também valores de alguns produtos que vi por lá.
Café: 4,00 Reais = 1,25€ (cheguei a pagar mais)
Menu Big Mac: 24,00 Reais = 7,50€
Brufen 20 comprimidos: 25,00Reais = 7,81€
Ovo Kinder dos pequenos: 6,68 Reais = 2,08€
Rolo de sacos para o lixo: 15,00 Reais = 4,68€
Hidratante labial BabyLips: 13.99 Reais = 4.37€


  Como podem ver apenas por estes itens que descrevi em cima, os valores chegam  são superiores aos nossos. Podem até achar que a diferença não é muita, mas se tivermos em conta que o ordenado minimo no Brasil é de 937,00Reais (292,81 €) até assusta.

  Vamos agora falar de uma coisa que eu adoro COMIDA!


 No Brasil existe uma variedade infindável de salgados... É de engordar só de pensar em tanta coisa boa para comer. Pão de queijo também temos para todos os gostos, pequeno, grande, crocante, puxa-puxa. Se entrarmos em uma padaria (eles chamam padaria aos cafés que vendem pão e bolos) é de ficar de queixo caido com tantos bolos lindos, quando entrei em uma pastelaria quando cheguei a Portugal até fiquei deprimida só de pensar nos lindos bolos que haviam por lá. Ontra coisa incrivel são as pizzas, cá por norma as pizzas não têm muito recheio, já lá alem de serem bem ''queijudas'' têm montesssssss de recheio.


 Agora surpreendam se, fiquei pasmada quando fui ao Mc Donald's e pedi um Big Mac, posso vos dizer que tem o dobro da altura do nosso e eles ainda reclamam porque acham pequeno. A comidinha feita em casa também tem as suas pequenas diferenças. Imaginem um fogão e cinco tachos com comidas diferentes em cima dele, é assim que a coisa funciona. Num tacho arrôz, outro feijão, outro massa, outro batata, outro carne, outro legumes e por ai vai... Eu não tinha paciencia para fazer essa variedade de comida diáriamente. Até se fizerem uma simples lasanha, aquela que nós pomos uma fatia no prato e no máximo juntamos uma saladinha, eles têm de fazer mais alguma coisa para juntar a ela. Haja vontade de comer...


  São Paulo e a confusão.


  Oh terra com tanta gente! Parecem cogumelos a surgir do chão. O transito é uma coisa do outro mundo e os condutores não gostam lá muito de respeitar as regras impostas. Existem tantas motas que cada vez que sais de casa parece que estás em uma concentração de motares.


    Há o famoso filme ''A Bela e o Monstro'' e em São Paulo encontamos ''O Belo e o Feio''... Como em tudo no Brasil  esta cidade é de extremos, temos coisas lindissímas por um lado e miséria por outro. É triste a quantidade de familias que moram nas ruas do centro de SP, no meio da conhecida Avenida Paulista entre todo o luxo e beleza que por lá encontamos temos tendas de mendigos.



  Criminalidade e favelas é algo que assusta a maioria das pessoas, por um lado temos o que nos mostram as novelas e por outro temos o peso do noticiário que assusta qualquer um que pense em ir para lá de férias.


  Toda a gente diz que quando vais para lá tens de andar só de chinelos, calções e t'shirt. só vos digo que quem tem essas ideias na cabeça é porque não tem mais nada em que pensar. Eu andava como queria, de chinelos, ténis de marca, sandálias, mala, com brincos e de telémovel em punho. Nunca me aconteceu nada nem vi fazerem nada a ninguém. As pessoas andam normalmente na rua sem precisar andar a olher sempre para trás por cima dos ombros. Andei de dia e de noite na rua, andei num autocarro cheio de gente, subi e desci o morro e nada me aconteceu. É certo que a criminalidade lá é bem superior à de Portugal, isso é um ponto acente, mas também não é como grande maioria das pessoas pintam. Se assim fosse ninguém saia de casa.


  Agora algumas curiosidades:
  - Cumprimentar as pessoas só com um beijinho no rosto (em SP é assim, mas há estados em que dão dois), escusado será dizer que eu ficava sempre pendurada quando ia dar o segundo.
  - Chamar drogaria às farmácias. A minha cunhada morreu de rir quando eu lhe disse que em portugal nas grogarias vendiam se pregos e parafusos.
  - Sempre que vais pagar alguma coisa perguntam te se é débito ou crédito. Para quem não sabe no Brasil as pessoas têm o hábito de comprar muitas coisas a crédito.
  - Todas as crianças te chamarem de tia/o. Acreditem que não acho piada nenhuma a isso.
  - Chamam presunto ao fiambre.
  - Nós portugueses temos de falar com a maior calma do mundo, caso contrário eles não nos entendem. Se falares ao nosso ritmo normal vão chegar a pensar que és de Marte, menos de Portugal.
  - Há uma igreja  e cabeleireiro em cada esquina.
  - Qualquer garagem serve para abrires uma loja.
  - Caso fiques desempregado podes sempre tentar ter o teu próprio negócio fazendo vendas na rua usando a tua bicicleta como loja, pois não tens a burocracia terrivel que existe em Portugal para poderes ganhar a vida.
  - Nas lojas os empregados só faltam andar contigo ao colo. Sentes te uma verdadeira vedeta dentro das maioria das lojas.
  - Todos vão ficar a adorar te como se fosses um alien só por seres ''gringa/o''.

  Enfim, acho que já me prolonguei demais por isso vou terminar por aqui. Espero que tenham gostado do post. 

  Bjokas grande e até à próxima!







1 comentário: